Uma tabelinha entre Dia dos Namorados e Copa do Mundo no e-commerce

Publicado em 05.06.2014 no veículo Portal E-Commerce Brasil.

E-commerce Brasil

Celebrado em 12 de junho aqui no Brasil, o Dia dos Namorados se consolida cada vez mais como uma importante data para o varejo virtual. No ano passado, por exemplo, o e-commerce brasileiro faturou cerca de R$ 1 bilhão no período, segundo previsão do E-Bit. Os segmentos “Moda e Acessórios” e “Cosméticos e Perfumaria” são os que mais incrementam vendas – não por acaso, os dois líderes de faturamento no mundo online. Entretanto, outros setores, como flores, livros e chocolates, também aumentam os pedidos com os consumidores apaixonados.

Porém, neste ano, a data romântica coincide justamente com a abertura da Copa do Mundo de futebol no Brasil. O evento também é esperado com ansiedade pelos lojistas, que vislumbram o aumento de vendas. O fato gera uma dúvida no setor: será que uma data anula a outra? Como o e-commerce pode potencializar os dois eventos e aumentar o faturamento? A boa notícia é que as duas datas, juntas, podem render frutos. Em 2010, por exemplo, as vendas no Dia dos Namorados cresceram cerca de 40% em relação ao anterior. É uma boa possibilidade para o e-commerce ampliar as vendas em diferentes categorias de produtos, garantindo aumento do faturamento. Veja quatro dicas imprescindíveis:

Diferencie o portfólio – há itens que vendem mais com a Copa do Mundo, como eletrônicos, e outros com o Dia dos Namorados, como cosméticos, vestuário e flores. Identifique no seu mix de produtos os que possuem apelo para cada data e trace as melhores estratégias para atender os consumidores durante o período.

Entenda o público – identifique quem é o seu consumidor. Tente elaborar ações dentro da sua loja que levem a identificação do seu cliente. Separar seções dentro do e-commerce com produtos específicos para cada evento pode ser uma boa idéia. O importante é que você explore tais datas da melhor forma, e não perca nenhuma oportunidade.

Aplique estratégias diferentes – elabore a estratégia de preços para deixar o estoque atraente. Uma ferramenta útil é o monitoramento de concorrentes, que informa se o preço está em vantagem, ou ainda a adoção de valores específicos para determinados períodos, levando em conta os itens relacionados aos eventos.

Faça promoções – faça com que os produtos de mais apelo para o Dia dos Namorados ou Copa do Mundo tenham os melhores preços. Isso será um chamariz para os consumidores, que podem conferir outros destaques do catálogo e aumentar o ticket médio da loja.

Luiz Pereira

 

 

 

 

Artigo também publicado no portal E-commerce News
Artigo também publicado no portal Portal mundo marketing
Artigo também publicado no portal Mídia paulistana
Artigo também publicado no portal CIAS Brasil
Artigo também publicado no portal Expressa mídia
Artigo também publicado no portal O Estado RJ
Artigo também publicado no portal Falando de notícia
Artigo também publicado no portal Cenário Logístico
Artigo também publicado no portal Mais Notícias
Artigo também publicado no portal C4 Notícias
Artigo também publicado no portal MTemdestaque
Artigo também publicado no portal Machete Expressa