Preço dinâmico é a tendência para o e-commerce, potencializado pela digitalização do código de barras

NRF 2014Entre os dias 11 e 14 de janeiro aconteceu em Nova Iorque, nos Estados Unidos, a 103ª edição da NRF (National Retail Federation) Retail’s Big Show, o maior e mais tradicional evento de varejo do mundo. Ele é basicamente o termômetro das novidades no setor, pois ao longo de sua história ficou conhecido por trazer tendências e ampliar o debate sobre a área.

Neste ano, um dos tópicos levantados na conferência foi a participação do e-commerce nos dispositivos móveis. O constante avanço da área faz com que as corporações necessitem de novos planos para acompanharem as inovações e aumentarem suas vendas.

Uma dessas estratégias envolve diretamente o preço. De acordo com Sucharita Mulpuru, vice-presidente da Forrester Research, o conceito de preço dinâmico é uma tendência que veio para ficar no comércio eletrônico.

Ele faz com que a empresa possa alterar os valores dos produtos de acordo com informações de estoque, concorrência e até mesmo a necessidade dos consumidores. Ideal para oferecer promoções-relâmpagos ou ainda contra-atacar uma oferta do concorrente.

O tema ainda é pouco aplicado no Brasil, mas começa a ganhar força. A opção exige uma plataforma que possa calcular corretamente o valor ideal para que não prejudique a receita. Alterar demais o preço sem o devido planejamento pode gerar conflito com o cliente. Mas os benefícios futuros (aumento nas vendas) compensam as dificuldades iniciais.

Com a alteração dinâmica, as lojas virtuais também precisam de um sistema de buscas eficiente. O e-consumidor não gosta de perder tempo pesquisando pelo produto que procura e menos ainda de encontrar informação errada em anúncios. Filtros, lista de produtos e buscas fonéticas. São muitas as possibilidades para encurtar o caminho entre o cliente e o produto.

O surgimento do compartilhamento de dados em nuvem fez com que a ferramenta incorporasse uma nova opção: a digitalização do código de barras. Ela faz com que a busca seja mais eficiente, rápida e detalhada, gerando conforto e segurança aos usuários. A digitalização atende a todos – desde aqueles que entram nos sites em busca de promoções, como os que já sabem o que pretendem comprar.

O dinamismo do mundo tecnológico vai mexer ainda mais com as vendas no e-commerce nos próximos anos. Para não se perder no meio do caminho, é importante deixar seus produtos no preço, no momento e no lugar certo.